• A caminho de «Psycho»
    Mistério, suspense, morte e perversões sexuais com um leve sabor a Hitchcock. A história de Norman Bates é reinventada a partir da adolescência e explora as complexidades da sua perturbante relação com a mãe. Um thriller psicológico na linha do horro
  • Crítica: Adivinha quem vem jantar
    No final de março, num simpático hotel de Lisboa, foram apresentados em exclusivo pelo AXN os dois primeiros episódios de «Hannibal», uma grande aposta do grupo que co-produziu a série com a NBC. Não é fácil fazer futurologia sobre a continuidade das
  • Tempo de Bruxas
    A quarta temporada de Sangue Fresco/True Blood continua a desenvolver a mitologia de uma série que fascina milhões de espectadores em todo mundo.
  • Girl Power
    A série assenta nos ombros da multitalentosa Lena Dunham, uma jovem de 25 anos que colocou o seu nome no mapa com Tiny Furniture (2010).
  • Laços de família
    A candidata a comédia número um da midseason televisiva nos Estados Unidos arrisca-se a ser a também a mais original série de humor da temporada 2014/15.
  • Até ao fim do mundo
    Uma incrível fantasia distópica desenrolada em 2021, após uma misteriosa praga ter dizimado a civilização, onde um indivíduo tem tudo o que deseja mas é presumivelmente o único homem no planeta.
  • A política segundo Frank J. Underwood
    Provavelmente, daqui a algumas décadas, quem (re)descobrir uma série como «House of Cards» irá ler nela, antes de tudo o mais, um eco perverso da “era Obama” na história política dos EUA. E não tenhamos dúvidas que haverá rimas muito sugestivas, muit
  • Um hospital com energia positiva
    Na linha de "Glee" e com os mesmos estereótipos, adaptados a uma ala de um hospital pediátrico em Los Angeles, um grupo de seis jovens forma um elo forte através da persistência em vencer a doença e viver a vida apesar de todas as contrariedades. O t
  • Mãe coragem e as suas filhas
    Um melodrama de cinco horas que não poderia ter melhor timing de lançamento. É uma magnífica adaptação de Mildred Pierce do autor James M Cain no paralelismo entre a série e a vida contemporânea. Todd Haynes adaptou um clássico e foi fiel à letra, re

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.