Samantha Marie Ware, conhecida por ter feito parte do elenco de "Glee", confessou que Lea Michele fez da sua estreia em televisão um "inferno". A atriz fez a revelação depois da colega se ter manifestado nas redes sociais sobre a morte do afro-americano George Floyd.

"George Floyd não merecia isto. Este não foi um incidente isolado e isto tem de acabar #BlackLivesMatter", escreveu Lea Michele nas redes sociais no fim de semana passado.

Em resposta à publicação da colega no Twitter, Samantha Marie Ware reagiu com "risos". "A rir muito. Lembras-te de quando fizeste do meu primeiro trabalho na televisão um inferno? Porque nunca me vou esquecer. Acho que disseste a toda a gente, se tivesses a oportunidade, 'ca***** na minha peruca’, entre outras pequenas agressões traumáticas que me fizeram questionar sobre a minha carreira em Hollywood", escreveu a atriz.

Alex Newell, Amber Riley e Dabier Snell, que também fizeram parte do elenco de "Glee", reagiram às acusações, e manifestaram o seu apoio a Samantha Marie Ware.

"Miúda, tu não me deixavas sentar com os membros do elenco à mesa 'porque não pertencia lá'. Vai-te f****, Lea", disse ainda Dabier Snell.

Depois da polémica, a marca HelloFresh decidiu terminar o contrato publicitário com Lea Michele. "A HelloFresh não tolera racismo nem discriminação de qualquer tipo. Estamos desanimados e desapontados", escreveu a marca nas redes sociais.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.