As gravações da série "O Senhor dos Anéis" , da Amazon, arranca em fevereiro na Nova Zelândia. Antes do início das filmagens, o serviço de streaming revelou os nomes de 15 atores que vão fazer parte da série, que inclui duas estrelas de "A Guerra dos Tronos".

Robert Aramayo, que vestiu a pele do jovem Ned Stark na “A Guerra dos Tronos”, e Joseph Mawle, que deu vida a Benjen Stark na história da HBO, vão fazer parte do elenco da produção que irá explorar novas histórias que aconteceram antes de "O Senhor dos Anéis: A Irmandade do Anel".

O britânico Owain Arthur, a atriz iraniana Nazanin Boniadi, o ator australiano Tom Budge, a atriz britânica Morfydd Clark e a atriz norte-americana Ema Horvath também vão fazer parte do elenco.  Ismael Cruz Córdova, Markella Kavenagh, Joseph Mawle, Tyroe Muhafidin, Sophia Nomvete, Megan Richards, Dylan Smith e Charlie Vickers completam a lista.

"Estes homens e mulheres excepcionalmente talentosos são mais do que os nossos atores, eles são os mais recentes membros de uma família criativa sempre em expansão que está agora a trabalhar, incansavelmente, para levar novamente a Terra Média aos fãs e aos espectadores de todo o mundo", frisa, em comunicado os responsáveis pela série J.D. Payne e Patrick McKay.

A série será produzida pelo cineasta espanhol Juan Antonio Bayona, realizador de "O Orfanato" e "Mundo Jurássico: Reino Caído".

Com a primeira temporada em pré-produção, a Amazon decidiu renovar a série de "O Senhor dos Anéis", que, segundo a Variety, deverá estrear em 2021.

O regresso à Terra Média irá explorar novas histórias que aconteceram antes de "O Senhor dos Anéis: A Irmandade do Anel", mas o acordo também envolve um eventual spin-off.

O diretor executivo da Amazon, Jeff Bezos, esteve pessoalmente envolvido nas reuniões por ser um "grande fã de fantasia e ficção científica", de acordo com a Variety.

"O Senhor dos Anéis" foi considerado o livro favorito do milénio pelos clientes da Amazon em 1999 e o romance preferido de todos os tempos na Grã-Bretanha na pesquisa "The Big Read" da BBC em 2003.

"'O Senhor dos Anéis' é um fenómeno cultural que capturou a imaginação de gerações de fãs através da literatura e do ecrã", disse Sharon Tal Yguado, chefe de séries de argumento da Amazon Studios.

Segundo o site Deadline, o acordo previu um pagamento de direitos de aproximadamente de 200 milhões de dólares.

A produção será feita em cooperação com o fundo que gere o património de J.R.R. Tolkien, a editora HarperCollins e a New Line Cinema, que esteve envolvida nas duas trilogias de Peter Jackson no cinema. A primeira, com um elenco de peso que incluiu Elijah Wood, Viggo Mortensen, Ian McKellen, Liv Tyler e Orlando Bloom, faturou quase 3 mil milhões em todo o mundo, conquistando 17 Óscares no total.

A segunda, baseada no livro "The Hobbit", teve praticamente as mesmas receitas.

A Amazon disse que a série será disponibilizada pela aplicação Prime Video ou online em mais de 200 países e territórios, mas não anunciou uma data de lançamento.

"Estamos muito satisfeitos pelo facto de que a Amazon, com o seu compromisso de longa data com a literatura, ser a primeira série de televisão multitemporada para 'O Senhor dos Anéis'", disse Matt Galsor, representante da gestão de património do escritor e da HarperCollins.

"Sharon e a equipa da Amazon Studios têm ideias excepcionais para trazer para ao ecrã histórias previamente inexploradas com base nos escritos originais de J.R. Tolkien", concluiu.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.