Segundo o presidente da Soca, Danny Spínola, esta edição da revista surge após um período de conturbação em que não se conseguiu cumprir a periodicidade do magazine.

Desta vez, realçou, escolheram destacar a gala de homenagem que a Soca fez a Titina, a 03 de março último, na presença do Presidente da República, por entenderem que ela é uma cantora que representou a música de Cabo Verde “de forma digna” na diáspora.

“Titina é uma cantora cabo-verdiana de mérito que esteve fora durante muito tempo e que representou Cabo Verde. Mas, depois ela acabou por ser esquecida e resolvemos relembrá-la, trazê-la à ribalta porque achamos que é uma cantora que poderia ter uma projeção tal como a Cesária Évora ou outros artistas”, justifica Spínola, lembrando que a foi a Soca a fazer a primeira distribuição de direitos autorais arrecadados em Cabo Verde.

Conforme o presidente da Soca, para além da cantora pode-se encontrar notícias sobre distribuição de direitos de cota privada para escritores e para artistas plásticos, fotografias que destacam o percurso da Soca desde a sua fundação em 2008, entre as quais as atividades realizadas pela sociedade, homenagens a artistas e autores e os respetivos livros e revistas que foram publicados.

Há também destaque para outros célebres autores cabo-verdianos, nomeadamente o prémio Camões 2009, Arménio Vieira, e o prémio Sonangol 2010, João Lopes Filho.

Na área da música, acrescentou Danny Spínola, está à estampa um tributo ao cantor do finaçon António Denti D’ Ouro, que já tem mais de 90 anos, uma homenagem póstuma à Nácia Gomes, “que também foi uma grande cantadeira de finaçon” e referências a outros cantores como Vuca Pinheiro e Armando de Pina.

No ato do lançamento da revista, a Sociedade Cabo-Verdiana de Autores também vai inaugurar uma exposição com seis painéis que relembra o percurso da sociedade, as suas atividades e publicações.

A 7ª edição da Soca Magazine, ajunta Danny Spínola, também representa o número um da segunda série e teve como patrocinadoras a CV Telecom e o Banco Cabo-Verdiano do Atlântico (BCA).

O próximo número está previsto para 18 de outubro para homenagear outras figuras da cultura cabo-verdiana no Dia Nacional da Cultura e das Comunidades.