“Vamos ter aqui um encontro de várias gerações de violinistas”, disse à Inforpress o vereador da Cultura da Câmara Municipal da Ribeira Grande, Francisco Dias, explicando que participam neste certame violinistas jovens e seniores que, em seu entender, “garantem um festival com a qualidade habitual”.

O festival está marcado para sexta-feira, na cidade da Ponta do Sol, com a participação de 13 violinistas de várias ilhas do país, lá onde este instrumento é tradicional, nomeadamente Santo Antão, São Vicente, São Nicolau, Sal e Boa Vista.

As ilhas do Fogo e Brava poderão não estar representadas na edição deste ano devido a dificuldades de ligação aérea, mas o vereador disse à Inforpress que continua a trabalhar no sentido de conseguir essa representação.

O festival deste ano servirá de corolário ao encontro que a Câmara Municipal da Ribeira Grande promove, anualmente, com os emigrantes em férias.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.