De acordo com nota de imprensa do IPC, o concurso “Morna nha alma” visa, por outro lado, chamar a atenção dos alunos para a importância da candidatura deste género musical a património cultural e imaterial da humanidade.

O documento avança ainda que a camada estudantil deverá escolher temas que retratam o amor, a sodade, partida, bem como temas como mar, heróis nacionais, exaltação do nacionalismo, além de mãe e maternidade, emigração e, por último, uma figura da morna, referente à ilha do candidato, no qual deverá descrever a biografia do escolhido.

Dos trabalhos apresentados, os três inéditos serão premiados, cabendo ao primeiro lugar o valor pecuniário de quinze mil escudos e uma viagem inter-ilhas para um destino de sua preferência, para o segundo classificado será atribuído um prémio de dez mil escudos e o terceiro classificado receberá um prémio de sete mil escudos.

Além do valor monetário, os três trabalhos inéditos integrarão uma exposição itinerante que percorrerá todas as ilhas e municípios do país.

As inscrições prolongam-se até o dia 15 de janeiro de 2020, pelo que os candidatos podem faze-lo, preenchendo o formulário próprio junto da direcção da escola ou através da plataforma electrónica do Instituto do Património Cultural (IPC).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.