Segundo o diretor da rádio, Giordano Custódio, a ideia é renuir nesta conversa aqueles que durante os 20 anos ajudaram a fazer a Praia FM, nomeadamente os artistas, os produtores, os editores e os técnicos de diferentes áreas, para juntos refletirem sobre um aspeto que hoje continua a ser essencial para a vida cultural, que é a promoção musical.

Durante esta conversa, informou que vai ser possível ouvir três experiências e pontos de vista diferentes com o produtor musical Augusto (Gugas) Veiga, e com os músicos Péricles do Rapaz 100 Juiz e Gá da Lomba.

Gugas Veiga, segundo disse, tem 25 anos de carreira como promotor musical e ao longo da sua atividade de promoção tem acompanhado toda a travessia desta rádio.

“Realmente, é uma experiência que nós saudamos muito e vamos ver e ouvi-lo para perceber nesse percurso como é que tudo aconteceu e hoje quais são as novas exigências”, enalteceu.

Já o grupo Rapaz 100 Juiz, a seu ver, tem um “percurso fenomenal”, visto que saiu da cidade de Assomada (concelho de Santa Catarina) “invadiu” a Cidade da Praia e conquistou toda a ilha de Santiago e o país e ainda conseguiu conquistar palcos internacionais.

Outro artista que vai compor o painel é o Ga da Lomba, um artista que associa a promoção musical a ação social.

Para Giordano Custódio, neste dia de reflexão poderia ter convidado várias pessoas, porque há vários artistas que fazem à promoção musical, cada um recorrendo de um determinado conceito e formato.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.