Numa nota informativa, o referido centro, com sede em Lisboa, explicou que suspendeu as actividades no passado mês de Março, como medida preventiva de contágio e propagação da covid-19, adiantando que a reabertura do espaço levará em conta as indicações da Direcção Geral da Saúde portuguesa no combate a covid-19.

Assim, de acordo com a mesma fonte, os visitantes terão que seguir as regras no que se refere ao uso obrigatório de máscaras, medição de temperatura e distanciamento social, apontando que o número de visitantes será limitado.

A retoma das suas actividades ao público é marcada com a exposição intitulada “Morna – Personagens, Sons e Sentimentos e Cores que falam no feminino” de Leontina Ribeiro – Leomar e “Mudjer di terra” de Maria Alice Fernandes.

O Centro Cultural Cabo Verde em Portugal, situado na Rua de São Bento 640, em Lisboa, foi inaugurado em Julho de 2019 e a abertura do espaço esteve enquadrada na comemoração do 44º aniversário da independência de Cabo Verde, assinalado a 05 de Julho.

O CCCV tem como missão a realização de diversas actividades que promovem o desenvolvimento sócio-cultural da comunidade e estimulam o interesse e o conhecimento da interculturalidade.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 443 mil mortos e infectou mais de 8,1 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.