Segundo uma nota enviada hoje à Inforpress, com esta obra o autor pretende, com base na sua vasta experiência conjugal, paternal, de vivência familiar e de relações institucionais, sobretudo de cariz religioso, ajudar o leitor a aprofundar os seus conhecimentos sobre a essência da pedra básica da construção social que é a família.

Uma estrutura, segundo ajuntou, cada vez mais complexa e que demanda uma especial atenção, não só por parte dos próprios membros, como das autoridades, Organizações não-governamentais, e sociedade no seu todo.

Neste livro, o autor propõe uma “reflexão atenta” sobre a constituição, origem, função e os constrangimentos da fundação de um lar e da formação de uma família, além de “apontar caminhos para o necessário equilíbrio no lar, factor essencial para a felicidade terrena, mas também celestial”.

“No mesmo quadro, o autor apresenta a família como condição essencial para uma natalidade sã e feliz e retrato da sociedade, sendo certo que “a Sociedade é o que as famílias são”, e “ninguém pode dar o que não possui”, lê-se na nota.

Numa nota de apreço, que consta do livro, o Cardeal Dom Arlindo Furtado considera esta obra “uma contribuição importante para ajudar os casais de hoje e as novas gerações a tratarem com esmero algo tão estruturante para as suas vidas, como é a família”.

O Bispo da Diocese de Santiago realça que este livro, baseado em “testemunhos valiosos e úteis”, surge “em defesa e promoção da família tradicional”, cujos benefícios para as pessoas e para a sociedade estão “sobejamente comprovados, num contexto social de alguma agressão contra a família, em que factores erosivos tentam corroer a estabilidade e a própria natureza da família”.

Para o Padre Bruno Varela, que escreveu o prefácio, esta obra embora não sendo um livro doutrinário ou teológico é de “muita pertinência e recomendável”, pois, descreve a realidade social, apontando os seus desafios, ao mesmo tempo que apresenta a família como o melhor caminho, enquanto fonte de vida.

“E se ela é fonte, deve ser de facto preservada como um tesouro”, complementou.

A apresentação da obra estará a cargo da escritora Hermínia Curado Ferreira e da presidente da Fundação Donana, Ana Maria Hopffer Almada.

José Pereira Miranda lançou em 2014 o livro “Padre Louiz Allaz – Uma Estrela na Madrugada Cabo-verdiana” e deu à estampa, em 2017, o livro “Vitaminas Para Uma Felicidade Equilibrada”.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.