O espetáculo de magia, segundo o próprio avançou à Inforpress, resulta de um “show maior” que irá apresentar no Festival Internacional de Artes Circenses em novembro, na ilha do Sal

Para os mindelenses Yannick Gomes disse querer apresentar um "show mais íntimo", com cartas e outros acessórios de magia, num momento “muito divertido, com muito humor e muita interação com o público e para toda a família”, assegurou.

O jovem mágico e hipnólogo também pretende colocar nesta apresentação um pouco de hipnose, outra das suas “paixões”, mas, que será abordado mais a fundo num outro espetáculo neste domingo, 26, na Academia Livre da Artes Integradas do Mindelo (ALAIM).

O evento de hipnose, segundo a mesma fonte, mostrará tanto a parte de entretenimento como a de análise clínica, que pode ser usada para tratamento de algumas doenças como depressão, fobias, alcoolismo e outras.

“Tem várias doenças que podemos tratar melhor com a hipnose do que com a parte de psicologia”, explicou Yannick Gomes, adiantando ser esta técnica um “estado de concentração elevado que permite às pessoas acederem a memórias antigas”.

Assim com estes dois eventos, de magia no sábado, e de hipnose no domingo, o jovem disse querer mostrar estas duas “paixões” a que se tem dedicado.

A magia, assegurou, é uma das coisas que gosta desde sempre e aprofundou com o mentor e mágico Corsa Fortes, que lhe deu as bases e algumas formações.

Este “apetrecho inicial” o levou a estudar o comportamento humano e cérebro até chegar a hipnose, que é “algo bem interessante”, assegurou.

“E agora tenho feito sempre espectáculos para divulgar e afastar o receio que muitas pessoas têm desta técnica”, lançou.

Yannick Gomes já apresentou outros shows de magia e hipnose em São Vicente e em Novembro segue para a lha do Sal para uma participação no Festival Internacional de Artes Circenses.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.