De acordo com um comunicado dos promotores, o workshop propõe uma oficina prática, passando por todos os processos que constituem a cadeia operatória de uma peça cerâmica.

“A preparação das pastas, as diferentes técnicas de modelação tradicional cabo-verdiana, o processo de secagem, os acabamentos através de óxidos, técnica de brunir e finalmente a cozedura em forno tradicional, soenga, com material combustível orgânica”, pode-se ler no comunicado.

O workshop é dirigido a todas as pessoas de qualquer idade que pretendem conhecer a cultura material cabo-verdiana, aprofundando e desenvolvendo conhecimentos e aptidões sobre a olaria tradicional de Cabo Verde.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.