Organizados pelo Orfeão de Leiria, os Concertos com História procuram valorizar a diversidade cultural que existe na cidade através de expressões artísticas, como a música e dança, e também da história, envolvendo alunos, pais e outros convidados.

"Através da performance e da partilha cultural, são dados a conhecer as tradições dos países, sobretudo presentes na música e na dança", explica, em comunicado do conservatório, o presidente da instituição, Acácio de Sousa.

Depois de Ucrânia, Rússia e Chile terem estado em destaque em 2018, em 2019 o foco será o Brasil, no dia 18 de janeiro, Moçambique, a 16 de fevereiro, e Angola, dia 22 de Março. Os concertos acontecem no Centro de Diálogo Intercultural de Leiria.

"Vamos agora conhecer Brasil, Angola e Moçambique, numa perspectiva de confluência de culturas e de enriquecimento mútuo", sublinha Acácio de Sousa.

O ciclo está integrado no projecto Abraç'Artes - Interculturalidade, que faz parte do programa "Incluir com arte", do Orfeão de Leiria, e tem o apoio do Alto Comissariado para as Migrações, através do Fundo Asilo, Migração e Integração.