Segundo a mesma fonte, a decisão foi motivada pelo facto dos figurantes terem “deixado tudo para a última hora”, quer para os ensaios e quer para a confeção de trajes.

Nesse sentido, por não estarem reunidas as condições decidiram não desfilar nas vésperas do Carnaval, tendo deixado a promessa de se preparem da melhor forma para que possam sair no próximo ano.

Por sua vez, o vereador da Cultura da Câmara Municipal do Tarrafal, Daniel David Soares, também em declarações à Inforpress, lembrou que a edilidade reuniu-se com o grupo tendo assumido 80 por cento (%) do orçamento apresentado por este bloco da sociedade civil.

Conforme explicou, o apoio da autarquia não era monetário, mas sim a nível de som, espaço para ensaios, transporte e alimentação.

No município do Tarrafal as crianças do pré-escolar anunciaram esta sexta-feira a chegada da festa do Rei Momo, e no sábado o agrupamento 2 levou para as ruas da cidade alunos, com o tema “Rodas dos Alimentos”.

Já no dia do Carnaval o outro agrupamento vai levar alunos do 1 º ao 12 º anos para animarem os tarrafalenses.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.