Segundo o mentor da iniciativa, Vlú Ferreira, avançou à Inforpress, estas ideias vão estar espelhadas na música escolhida para o desfile deste ano, que tem por nome “Hora de sukdi ess balói”, composta pelo próprio músico e compositor há vários anos nas andanças do Carnaval mindelense.

“Na música falo do conceito de vida, de como a vida é um ‘hardware’ e o espírito um ‘software’, que pode a qualquer momento ser requisitado por Deus”, explicou o cantor, que pede as pessoas para “curti life” (aproveitarem a vida, em português), uma vez, que “não se leva nada de material depois que se morre”.

O desfile do Trio Mindel Fantasy tem concentração marcada para às 20:00 desta sexta-feira, na Praça Dom Luís, com previsão de saída a partir das 21:00 e com a participação de “vários foliões” distribuídos em 15 alas, segundo Vlú Ferreira.

Contudo, conforme a mesma fonte, o desfile do trio não é somente para os que participam nas alas, mas sim para “todos os que estão em São Vicente”.

“Desde o início sou eu e a minha empresa Agência Viking que patrocina a saída do Mindel Fantasy, mas, Mindel Fantasy é de todos os sanvicentinos, porque eu não moro aqui sozinho”, sublinhou Vlú Ferreira.

A participação no desfile fica a 800 escudos, incluindo uma t-shirt. Entretanto, vão ser atribuídos prémios para “maior ala”, com 15 mil escudos e “melhor ala”, com 10 mil escudos, que vai ser escolhida, segundo a mesma fonte, por um júri, que deverá se basear em critérios como “beleza, inovação e criatividade”.

Após o desfile, segue-se a “festa mascarilha” do Mindel Fantasy com a actuação de vários artistas e grupos como Vlu e banda, Samba Groove, Anísio e banda, Mark Delman, Diva Barros, Azágua, AryBeats, Kiddye Bonz e Khaly Angel.

Um evento disponível por 1.500 escudos, preço promocional dos primeiros 100 bilhetes e 1.700 escudos primeiro lote

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.