Durante todo o dia de sexta-feira, 01, as ruas do Mindelo estiveram sempre ao som das batucadas, entre estes o do Centro de Apoio a Doentes Mentais (CADM) da Câmara Municipal, que foi o primeiro a desfilar no período de tarde e que trouxe como tema “Jogos”.

Assim, numa coreografia com jingas de capoeira, os pacientes do centro mostraram o que têm aprendido para manter o “corpo e a mente sã”.

Logo de seguida, chegava o Agrupamento 5, com um tema semelhante para fazer ouvir a mensagem de “desporto e saúde de mãos dadas”.

As crianças cantaram a plenos pulmões a música que alertava para a necessidade de prevenção, de limpeza tanto corporal como nas nossas casas e ruas e ainda de ser necessário fazer sempre um check-up médico.

Durante a manhã, quase nesta mesma linha, também o Agrupamento 4 desfilou com os seus pupilos para chamar a atenção sobre o desaparecimento de espécies animais do planeta terra, que “deveria estar a preocupar toda gente”.

Este recado da “Escola amiga do ambiente”, que trouxe à rua aves, golfinhos, passarinhos e outros animais em trajes feitos com material reciclado.

No meio de mais de uma dezena de grupos que estiveram a desfilar, não faltou ainda temas como o “Mundo encantado da Disney”, retratado pelo Jardim Bambi e outros, que embora sem definir muito bem o “enredo”, quiseram vir à cidade do Mindelo brincar o Carnaval, como foi o caso do Centro Acolhimento de Crianças com Vulnerabilidades Especiais (CACVE), da Canalona, Chã de Alecrim.

A animação na Morada continua nesta noite com o Trio Elétrico Mindel Fantasy, que convida os mindelenses a “Somá na boia” e mostrar o seu melhor, uma vez que vão ser atribuídos prémios às “melhores alas”.

Por estes dias, o centro da cidade do Mindelo estará sempre animado e ao sabor da batucada com cerca de uma centena de grupos que desfilarão até à terça-feira de Carnaval.

LN/JMV

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.