Osvaldo Fonseca fez este anúncio à imprensa após o encerramento do último dos três dias de desfile dos grupos oficiais, inicialmente agendado para as 15:00, mas que só teve início por volta das 16:00 com o grupo de animação "Strofan", que trouxe como tema "Encomenda de Terra", ou seja, "Vivência do campo".

Segundo explicou, o projeto de aumento dos apoios, que ainda vai passar por angariar patrocínios, tem como objetivo manter o Carnaval de São Nicolau no mesmo nível deste ano.

É que no seu entender, mesmo com poucos recursos os grupos estiveram à altura, com "grandes trabalhos" em termos de andores, música e trajes.

"Todos estamos de parabéns, os grupos e o público", sublinhou, fazendo um balanço "positivo" dos três dias de desfile oficial (sábado, domingo e terça-feira de Carnaval).

Informou que terminado o Carnaval, a câmara vai reunir-se, a partir deste mês, com os grupos oficiais para fazerem balanço e projetar a festa do próximo ano.

Osvaldo Fonseca assegurou que o projeto de "um novo Carnaval" vai contar com "grande envolvência" da autarquia e do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, mas, sobretudo, dos grupos carnavalescos.

O desfile desta terça-feira contou com a presença do Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, que esteve acompanhado da esposa.

O diretor Nacional das Artes, Ivan Santos, e o presidente da Câmara de Turismo de Cabo Verde, Gualberto do Rosário, são outras figuras que marcaram presença no certame, além  de responsáveis camarários.

O desfile começou por volta das 18:00, mas a entrada no Terreiro só deu às 18:45 pelo Estrela Azul, Copa Cabana 19:30 e, por último, o Brilho da Zona às 20:20.

No entanto, a festa continuou com a batucada no Terreiro que estava "completamente cheio" de espectadores e foliões.

A festa culminou na madrugada com uma cerimónia simbólica, em que foram anunciados os reinados para o próximo ano, tendo as rainhas e os reis entregado as coroas aos seus sucessores.

As pessoas abordadas pela Inforpress deram, mais uma vez, nota "positiva" aos três dias dos desfile, afirmando que a particularidade deste Carnaval está no "diferente", ou seja, mesmo sem concursos os grupos demonstraram a qualidade", nos trajes, andores e na música.