É que, segundo Celso Brito, presidente do Império da Vila, ele e outros elementos da direcção do grupo foram contactados por um responsável do antigo grupo Ondas do Mar que lhes comunicou a decisão de revitalizar aquele grupo para sair este ano.

Assim sendo, os dirigentes do Império da Vila decidiram não organizar o grupo para este ano esperando que a direcção do Ondas do Mar o fizesse conforme lhes fora comunicado por esse dirigente, cujo nome não citou na entrevista concedida à Inforpress.

Por outro lado, adiantou Celso Brito, os responsáveis do Império da Vila tinham assumido o compromisso inicial de organizar o carnaval da Ponta do Sol durante três anos e cumpriram, mas isso não inviabilizaria a possibilidade de avançarem para este ano caso não tivesse surgido a decisão de revitalização do Ondas do Mar.

O Império da Vila não sai, o Ondas do Mar não foi revitalizado e, por isso, o Carnaval da Ponta do Sol/2018 deverá resumir-se aos grupos de animação.