O vereador da Cultura da edilidade de Santa Catarina do Fogo, Madueno Andrade, disse à Inforpress que a autarquia disponibilizou 350 mil escudos para a festa do Rei Momo no município, de entre atribuição de subsídios e o valor destinado aos prémios.

Para o grupo Nova Geração, da vila de Achada Furna, que terá de percorrer alguns quilómetros para desfilar na cidade de Cova Figueira, sede do município, foi atribuído um subsídio de 80 mil escudos, enquanto ao grupo da Escola Secundaria, sedeada na cidade, foi atribuído um subsídio financeiro no valor de 50 mil escudos para os preparativos.

Este ano, a edilidade decidiu atribui prémios para o desfile oficial, sendo que o primeiro classificado vai receber 50 contos e o segundo classificado 30 contos, mas também haverá prémios individuais no valor de cinco mil escudos para rei, rainha, porta-bandeira e melhor música.

A edilidade disponibilizou 20 mil escudos para cada um dos três polos educativos existentes no concelho e 50 mil escudos para o bloco de jardins-de-infância para a realização do Carnaval 2018.