Em conferência de imprensa conjunta, Câmara Municipal de São Vicente e Liga Independente dos Grupos Oficiais do Carnaval (LIGOC), na manhã de hoje, para se fazer o ponto da situação dos preparativos da festa do Rei Momo, a vereadora da Cultura da autarquia, Solange Neves, considerou que os preparativos estão em bom ritmo e que a festa começa já esta sexta-feira com o desfile das escolas do ensino básico e dos jardins infantis.

A vereador explicou que a câmara se ocupa da logística e da organização dos desfiles de animação, “sempre em sintonia com a LIGOC”, ao passo esta associação tem a seu cargo toda a organização do desfile de terça-feira de Carnaval.

O presidente do conselho diretivo da LIGOC, Marco Bento, por seu lado, lamentando embora “problemas com o transporte” de equipamentos e pessoas “em tempo” para São Vicente, sublinhou que, da parte dos grupos “tudo corre bem” nos ensaios e nos estaleiros.

Informou que um terço das bancadas já se encontra montadas, as quais no conjunto vão acolher cerca de quatro mil pessoas, e que, a partir de hoje, a LIGOC conta arrancar com os ensaios técnicos, nomeadamente com o novo equipamento de som, e que “tudo estará posicionado” na segunda-feira, 04 de março.

A “grande aposta” este ano da liga é a internacionalização do Carnaval, através de parcerias internacionais no domínio dos audio-visuais, tendo confirmado a presença do canal de televisão francês Trace TV, a qual irá proceder à transmissão em direto do desfile de terça-feira em todos os seus canais das redes sociais, e atingir os “mais de 2 milhões de assinantes”.

A nível nacional, o Carnaval terá ainda transmissão direta na Televisão de Cabo Verde (TCV) e, conforme a mesma fonte, a Unitel T+ também fará a transmissão direta através dos aplicativos móveis.

O diretor do Carnaval, João José Faria, por seu lado, pôs tónica no regulamento do desfile principal e lembrou que este ano haverá três comissões – concentração, dispersão e fiscalização – que vão acompanhar o desfile “a todo o tempo”.

O corpo de jurados será constituído por 27 efetivos e nove suplentes, que serão distribuídos por três cabines situados na Rua de Lisboa, Avenida Baltazar Lopes da Silva e Praça Nova, sendo que cada cabine comportará nove jurados e três suplentes que vão avaliar nove itens: bateria, música, harmonia, evolução, enredo, carros alegóricos e adereços, fantasias, mestre-sala e porta-bandeira e comissão de frente.

As rainhas e o rei do Carnaval 2019 serão avaliados à parte, por nove jurados, sendo que os resultados e as classificações serão divulgados na quarta-feira, 06, às 15:00.