Uma Mente Brilhante

A Beautiful Mind

Uma Mente Brilhante

A Beautiful Mind

John Nash, diagnosticado como paranóide- esquizofrénico, distingue-se como matemático prodigioso ganha um prémio Nobel.

John Nash, diagnosticado como paranóide- esquizofrénico, distingue-se como matemático prodigioso ganha um prémio Nobel. John Forbes Nash, Jr. experimenta a notoriedade como cientista e a desgraça como louco. Um génio matemático, faz uma importante descoberta cedo na sua carreira que quase o leva à aclamação internacional. Mas o belo e arrogante Nash acaba por encontrar-se numa dura e dolorosa viagem de auto-descoberta. Após vários anos de luta, acaba por triunfar sobre a sua tragédia e, finalmente, no fim da sua vida, é reconhecido como prémio Nobel da Matemática.

Notícias relacionadas

  • Quando a mente o cinema se encontram
    A propósito da estreia de «Um Método Perigoso», focado nas figuras de Sigmund Freud e Carl Jung, recordamos outros 10 filmes em que o cinema abordou a psiquiatria e a psicanálise de forma marcante.
  • Christopher Plummer
    Por incrível que pareça, numa carreira excepcional que já leva mais de cinco décadas, a nomeação ao Óscar pelo papel de Leo Tolstoi em «The Last Station» é a primeira do percurso profissional de Christopher Plummer.
  • Ron Howard
    Com uma filmografia que integra obras tão díspares como «Apollo 13» (1995) ou «O Código Da Vinci» (2006), passando por «Splash, a Sereia» (1984) ou «Resgate» (1996), Ron Howard será dos realizadores mais eclécticos de Hollywood.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.