Vinte e três filmes foram selecionados para a 10ª edição do Cabo Verde International Film Festival (CVIFF) que acontece como habitualmente na ilha do Sal.

Segundo um comunicado de imprensa da VIVA Imagens, 34 filmes estavam inscritos no CVIFF e os selecionados vão competir para os prémios de Melhor Longa-metragem, Melhor Longa-metragem Documentário, Melhor Curta-metragem, Melhor Curta-metragem Documentário e o Prémio Parda que é de votação do júri.

“ANJO - O Sangue e a Obra”, “PANDZA Land Short”, “That is All”, “Away From the shore”, “Se Arrependimento Matasse”, “O Fim do Mundo”, “Poisson d'or, Poisson Africain”, “Ireland's DEEP ATLANTIC”, “No Gold for Kalsaka”, “Wax in the City”,  “A Word for Human”,  “GILDA BRASILEIRO - Contra o Esquecimento”, “Bakosó: AfroBeats de Cuba”, “L'Arbre et la Pirogue”, “Amancio, el Vampiro de Pueblo”, “Gifts from Babylon”, “Praise and Blame”, “Exhalación”, “Arizona 1878, una Historia del Viejo Oeste”, “Voix de Charlotte Dufrène”, “Kopacabana”, "Mabata Bata" e “Le Monde de Lucas” são os filmes que foram selecionados.

Cabo Verde, Moçambique, Canada, Bulgária, Brasil, Portugal, Senegal, Irlanda, Burkina Faso, Cuba, Espanha e EUA são alguns dos países com filmes a competir no festival.

O CVIFF, que conta com a parceria do Ministério da Cultura e das Industrias Criativas, da Associação de Cinema e Áudio Visual de Cabo Verde, Câmara Municipal do Sal e o Hotel Odjo d’Água, acontece de 15 a 19 de outubro na ilha do Sal.

Artigo atualizado.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.