O novo filme de Pedro Almodóvar chama-se "Dolor y Gloria" e já existe o primeiro trailer.

A grande novidade é que junta pela primeira vez a sério Antonio Banderas e Penélope Cruz, dois dos principais atores da sua filmografia.

No caso de Banderas, esta é a oitava colaboração com o realizador, enquanto Penélope Cruz chega à sexta. Até agora, os dois alternaram filmes e só partilharam uma participação especial em "Os Amantes Passageiros" (2013).

Ao contrário de outros títulos da carreira de Almodóvar, a história do novo filme andará à volta do protagonista masculino, com Banderas como Salvador Mallo, um realizador de cinema em declínio profissional que revê os melhores e piores momentos da sua vida, nomeadamente "primeiros amores, segundos amores, mortalidade, os anos 1960, os anos 1980 e o presente".

Existem especulações sobre quanto da história será inspirada pela vida do próprio Almodóvar e se "Dolor y Gloria" poderá ser, de alguma forma, aos 69 anos, a sua despedida do cinema.

O intervalo entre os projetos tem vindo a aumentar e o último filme realmente aclamado foi "A Pele Onde Eu Vivo" em 2011.

Além disso, no elenco está Julieta Serrano, atriz de 86 anos que trabalhou com o realizador no seu primeiro filme, "Pepi, Luci, Bom e Outras Tipas do Grupo" (1980), bem como em "Negros Hábitos" (1983) e noutros títulos durante a década até "Ata-me" (1989).

No elenco de luxo estão ainda Asier Etxeandía, Leonardo Sbaraglia, Nora Navas e Raúl Arévalo.

A estreia em Espanha está marcada para 22 de março e, seguindo uma tradição, é provável que a estreia internacional passe pelo Festival de Cannes em maio.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.