A informação foi avançada ontem, dia 11, pela produtora executiva da V!VA Imagens, Suely Neves, à margem da assinatura de protocolo tripartido entre Ministério da Cultura, Associação de Cinema e de Audiovisual de Cabo Verde (ACACV) e a empresa produtora do Cabo Verde Internacional Filme Festival.

“Os filmes que foram selecionados já receberam a notificação através da plataforma “film free way” e dos 23 inscritos 16 foram oficialmente selecionados nas quatro categoriais, nomeadamente, longa-metragem, longa-metragem documentário, curta e curta-metragem documentário”, informou Suely Neves

Acrescentou que dos filmes selecionados há um cujo tema é sobre Cabo Verde e que a novidade desse ano é estreia de uma produção da Republica Dominicana, além das participações habituais da Alemanha, Bangladeche, entre outras nacionalidades.

“Para nós é importante ter imagens de outros países, para as pessoas conhecerem outras culturas e outras histórias, vai ser muito interessante a lista dos filmes que vamos apresentar”, disse a responsável.

Para além da exibição do Filmes, Suely Neves adiantou que vai haver uma componente formativa com a realização de workshops que ser organizada por Robert Gomes, um membro do júri dos Estados Unidos da América, com ascendência cabo-verdiana da ilha do Fogo

“Tudo depende dos membros do júri, porque para nós podem fazer mais do que a avaliação dos filmes que foram selecionados”, ressalvou.

A nona edição do Festival Internacional de Cinema de Cabo Verde, vai acontecer de 09 a 13 de outubro na Ilha do Sal e propõe uma programação para durante uma semana movimentar a ilha turística com filmes, em diferentes classes, nomeadamente longa-metragem, longa-metragem documentário, curta-metragem, curta-metragem e documentário.

O Prémio Parda bem como os de melhor curta-metragem, melhor curta-metragem documentário, melhor longa-metragem e melhor longa-metragem documentários, são votados pelos membros do júri do festival, sendo os vencedores anunciados durante o encerramento do CVIFF.

Durante esses oito anos, a primeira edição foi em 2010, já foram exibidos cerca de 200 filmes no Festival Internacional de Cinema da Ilha do Sal.