Bradley Cooper terá o apoio da Netflix para um dos seus projetos há mais tempo em preparação: a história da vida de Leonard Bernstein, possivelmente o maestro de orquestra mais proeminente nascido nos Estados Unidos.

O anúncio foi feito esta terça-feira (21) pela plataforma de streaming.

Leonard Bernstein, nascido em Massachusetts, foi diretor musical da Filarmónica de Nova Iorque de 1958 a 1969, período durante o qual se forjou uma fama invulgar em maestros de orquestra, com apresentações extremamente expressivas e periódicas aparições televisivas.

Falecido em 1990, continua a ser mais conhecido como o compositor do musical da Broadway "West Side Story", mas também escreveu três sinfonias.

Ainda sem título oficial, a história do filme vai passar por 30 anos e abordar o casamento do maestro com Felicia Montealegre. Tem a cooperação dos responsáveis pelo património artístico e dos três filhos.

Tal como aconteceu com "Assim Nasce Uma Estrela", Bradley Cooper vai ser o realizador, protagonista e produtor do projeto que escreveu com Josh Singer, argumentista premiado com o Óscar com "O Caso Spotlight" (2016).

Inicialmente, Martin Scorsese era para ser o realizador, mas passou a cadeira para Cooper para continuar a trabalhar em "O Irlandês". O cineasta mantém-se como um dos produtores, juntamente com Steven Spielberg e Todd Philips (da saga "A Ressaca" e do recente "Joker").

Segundo o Deadline, a rodagem deve começar no início de 2021 e a Netflix planeia um lançamento nas salas de cinema como aconteceu com "O Irlandês", "Marriage Story" e outros títulos que estão na atual temporada de prémios.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.