A saga "Monstros Fantásticos" terá de começar a confiar nas salas de cinema internacionais para continuar a ter sucesso para justificar o gigantesco orçamento.

O novo filme, "Os Crimes de Grindelwald” arrecadou 62 milhões de dólares durante os primeiros dias de estreia nas salas dos EUA [54,2 milhões de euros].

O valor é considerado um bom arranque para um "blockbuster" (os analistas acreditam que custou pelo menos 200 milhões de dólares, 175 milhões de euros), mas também é o mais baixo na história da saga "Harry Potter".

Isto inclui os oito filmes feitos entre 2001 e 2011, bem como "Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los", que conseguiu 74,4 milhões de dólares por esta altura há dois anos.

A sequela também entusiasmou menos os fãs, que lhe deram um "B+" nos inquéritos CinemaScore feitos à saída das salas, enquanto o anterior conseguiu um "A".

A compensar a desilusão interna, "Os Crimes de Grindelwald" está a ser muito mais bem recebido a nível internacional: ultrapassou os valores do primeiro em 43 dos 79 países, conseguindo 191 milhões de dólares.

Em Portugal, o novo filme foi visto por 102.706 espectadores em 114 salas (112.522 contando com as sessões de pré-venda na quarta-feira à noite).

Isto é praticamente idêntico a "Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los": entre 17 e 20 de novembro de 2016 tinham sido vendido 105.885 bilhetes para 110 salas (107.687 contando com sessões especiais).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.