Para os fãs das bandas desenhadas  não é ua novidade que o percurso do universo cinematográfico da DC Comics tem sido muito mais atribulado do que o da rival Marvel.

"Homem de Aço" (2013), "Batman v Super-Homem: O Despertar da Justiça" (2016) e "Esquadrão Suicida" (2016) foram sucessos de bilheteira, mas foram mal recebidos pelos críticos e dividiram os fãs.

Com "Mulher-Maravilha" (2017), a DC Comics parecia finalmente terá acertado no tom e estar pronta para finalmente competir a sério com a Marvel, mas apenas alguns meses mais tarde chegou "Liga da Justiça".

A primeira reunião dos super-heróis foi encarada como um retrocesso, regressando as críticas às histórias e argumentos mal desenvolvidos, vilões sem dimensão, problemas de ritmo e a saturação do uso de efeitos especiais.

Por essas razões e também por ser o primeiro filme a ter a personagem de Jason Momoa como protagonista, é grande a expectativa à volta de "Aquaman".

E, pelo menos a nível comercial, o estúdio pode respirar de alívio: o filme de James Wan estreia nos EUA a 21 de dezembro (uma semana antes em Portugal) e segundo apurou o Deadline, está a bater recordes na pré-venda de bilhetes.

No Atom Tickets, uma das três maiores empresas do setor, tornou-se o maior sucesso das primeiras 24 horas, ultrapassando as vendas de "Vingadores: Guerra do Infinito".

No rival Fandango não se bateram recordes, mas o primeiro dia ultrapassou "Missão: Impossível - Fallout" e "Venom", que depois arrecadaram entre 61 e 80 milhões de dólares no primeiro fim de semana.

Embora as pré-vendas dos bilhetes não sejam sempre um indicador fiável das receitas da estreia nos EUA, no início deste ano "Black Panther" bateu o recorde das primeiras 24 horas de "Captão América: Guerra Civil".

Algumas semanas mais tarde, o primeiro filme composto maioritariamente por atores negros arrancou com 202 milhões nos primeiros três dias de estreia (batendo os 179,1 milhões de "Guerra Civil"), tornando-se um fenómeno cultural e também o maior sucesso nos EUA da história da Marvel.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.