Peter Jackson vai fazer um documentário sobre o 12º e último álbum de estúdio dos Beatles, "Let It Be".

O projeto foi divulgado esta quarta-feira pela editora Apple Corps Ltd. e a WingNut Films Ltd., a produtora de Jackson.

O vencedor dos Óscares com a saga "O Senhor dos Anéis" vai usar 55 horas de imagens nunca antes divulgadas e 140 horas de áudio das gravações no estúdio entre 2 e 31 de janeiro de 1969.

O álbum teve canções como "Across the Universe", "The Long and Winding Road" e "Get Back" e foi lançado em maio de 1970, já após o desmembramento do grupo.

No mesmo ano também existiu um documentário, "Let It Be", que se chamou "Improviso" em Portugal e ganhou o Óscar de Melhor Canção.

Segundo o comunicado, o material disponível acabou por fazer evoluir a ideia inicial de um programa especial para televisão, culminando na lendária atuação dos Beatles no telhado da sede da Apple em Londres, que faz esta quarta-feira exatamente 50 anos.

Peter Jackson salientou que é "como se uma máquina do tempo nos transportasse de volta a 1969 e permitisse sentarmo-nos no estúdio a ver estes quatro amigos a fazer juntos grande música".

O realizador garantiu ainda que o filme vai ser a grande experiência com que os fãs dos Beatles há muito sonhavam e ficou aliviado por descobrir que a realidade é muito diferente do mito de que  a tentativa para tentar recuperar o antigo espírito ao regressar às origens no álbum acabou por originar desentendimentos que os afastaram ainda mais.

Não foi divulgada a data para a estreia do documentário.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.