Patty Jenkins confirmou esta sexta-feira que Kristen Wiig vai ser a vilã de "Mulher-Maravilha 2", uma semana após o rumor se ter tornado viral.

"Tão entusiasmada por confirmar as notícias mais emocionantes. Sim! É verdade!  Tão incrivelmente sortuda por dar as boas-vindas à sensacionalmente talentosa Kristen Wiig na nossa família 'Mulher-Maravilha'. Mal posso esperar para finalmente trabalhar com uma das minhas favoritas. E tão animada pelo que planeámos", escreveu a realizadora nas redes sociais.

A notícia foi já partilhada com entusiasmo pela "super-heroína" Gal Gadot, que deu as boas-vindas à colega, um dos maiores talentos a sair do lendário programa Saturday Night Live e que foi nomeada para os Óscares por co-escrever "A Melhor Despedida de Solteira" (2011), a sua grande porta de entrada também como atriz no cinema.

O papel em questão é o de Cheetah, uma das antagonistas mais antigas da DC Comics e que é o nome de várias inimigas da Mulher-Maravilha desde 1943. A atual versão chama-se Barbara Ann Minerva, que tem poderes semelhantes aos de um lobisomem e "nasceu" em 1987. Será esta a aparecer no filme.

Entre a comédia e o drama, Kristen Wiig tem no currículo as animações "Gru, O maldisposto" e ainda títulos como "A Vida Secreta de Walter Mitty" (2013), "Que Se Lixem As Notícias" (2013), "Perdido em Marte" (2015), "Caça-Fantasmas" (2016), "Mãe!" (2017) e "Pequena Grande Vida" (2017).

Os detalhes sobre "Mulher-Maravilha 2" continuam no segredo dos deuses, com exceção que vem aí um novo "filme de época": a história será nos anos 80, os da fase final da Guerra Fria.

A estreia está marcada para 1 de novembro de 2019.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.