Sam Rockwell e Kathy Bates são a "artilharia pesada" no elenco do próximo filme de Clint Eastwood.

Tal como outros filmes do cineasta, a história de "The Ballad of Richard Jewell" volta a mostrar um homem normal em comportamentos extraordinários: baseia-se na história verídica de Richard Jewell, um segurança mandou evacuar as pessoas do Centennial Olympic Park após descobrir um pacote suspeito durante os Jogos Olímpicos de Atlanta em 1996. Tratava-se de uma bomba que ainda matou duas pessoas (uma de enfarte) e feriu outras 111.

Elevado ao estatuto de herói americano, viu a vida virada de pernas para o ar quando se tornou um possível suspeito desse mesmo atentado. Falsamente acusado, tornou-se um pária e apesar do FBI o ter ilibado três meses mais tarde, nunca mais recuperou completamente a reputação ou a confiança em si mesmo.

A sua saúde também foi afetada e apesar de, mais tarde, se ter tornado polícia, morreu em 2007 vítima de ataque cardíaco, aos 44 anos.

O projeto anda há vários anos por Hollywood e chegou a ser pensado para Leonardo DiCaprio e Jonah Hill, que vão ter agora um papel como produtores.

O protagonista será o pouco conhecido Paul Walter Hauser, que teve papéis secundários em "Eu, Tonya" e "BlacKkKlansman: O Infiltrado".

Paul Walter Hauser em 'Eu, Tonya'

Sam Rockwell, que ganhou o Óscar de Ator Secundário por "Três Cartazes à Beira da Estrada" (2017), vai interpretar o papel do advogado de defesa de Jewell. Já Kathy Bates, que tem uma estatueta dourada como Melhor Atriz por "Misery" (1990), vai interpretar a sua mãe, que estava ligada à indústria dos seguros.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.