De acordo com o regulamento do concurso, a que a Inforpress teve acesso hoje, este concurso tem como objectivo promover a educação comportamental do cidadão perante os símbolos da nação e interiorizar nos cidadãos o significado das cores, o design da bandeira, a letra do Hino e das Armas Nacionais.

Todos os cabo-verdianos residentes e não residentes no País podem, até 25 de Outubro de 2020, inscrever-se através do links https://docs.google.com/forms/d/17t5-g7oJDoT9F2cdLKq9UnZblPd0qWZqHdDGqtTcFA/edit?usp=sharing e até essa data o candidato deve entregar o filme e todos os documentos obrigatórios na ACACV.

A curta-metragem, de acordo com o mesmo documento, terá de ter a duração mínima de três e máxima de cinco minutos, utilizar a língua portuguesa ou cabo-verdiana e os elementos da equipa técnica têm de ser de nacionalidade cabo-verdiana.

Conforme apurou a Inforpress, os filmes devem ser gravados em qualquer formato, sem restrição dos equipamentos utilizados e podem ser entregues via Wetransfer, Dropbox ou directamente em suporte digital na sede da ACACV, no Parque 05 de Julho, na cidade da Praia.

Os vencedores serão conhecidos no dia 05 de Novembro e os três primeiros classificados vão receber uma quantia de 200 mil escudos, 150 mil escudos e 100 mil escudos, um troféu em material acrílico com a letra do Hino, a Bandeira e as Armas Nacionais e um diploma de classificação.

O regulamento do concurso informa ainda que todos os filmes vencedores, serão cedidos à organização e patrocinadores, livres de quaisquer direitos, para utilização sem fins comerciais e serão acrescentados no final os logos dos promotores e patrocinadores do concurso, que passarão fazer parte integrante do mesmo.

“A ACACV fica autorizada a utilizar os filmes para fins de promoção em outros concursos semelhantes e para fins de portfólio, ficando também autorizada a mantê-los visíveis, em permanência, nas suas páginas web e facebook”, lê-se no documento.

AM/HF

Inforpress/Fim

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.