Daniel Craig voltou a jurar que "007: Sem Tempo Para Morrer" será sua "última aventura como James Bond".

"É isto. Acabou", contou numa entrevista à Entertainment Weekly ao lado de Rami Malek, Léa Seydoux e Lashana Lynch.

O ator expressou ainda o contentamente por regressar e fazer mais um porque "este filme, o que quer que as pessoas achem dele dele  — quem sabe o que as pessoas vão achar —, toda a gente, incluindo as pessoas que estão aqui, simplesmente deram tudo. E fizemos o nosso melhor. E é essa a sensação que se tem. Sei que parece simplista, mas foi o que fizemos".

"007: Sem Tempo Para Morrer" chega aos cinemas (portugueses) já a 9 de abril, praticamente cinco anos após "007 Spectre".

No início da história, Bond deixou o serviço ativo e está a desfrutar de uma vida tranquila na Jamaica. Mas a sua paz termina rapidamente quando o seu velho amigo Felix Leiter, da CIA (Jeffrey Wright), aparece com um pedido de ajuda.

Uma nova missão passa por  resgatar um cientista raptado e torna-se muito mais traiçoeira do que o esperado, levando Bond a perseguir um misterioso vilão, armado com uma nova tecnologia perigosa.

Safin, interpretado por Rami Malek, é descrito pela produtora da saga Barbara Broccoli como "alguém realmente desagradável" que sabe como perturbar Bond.

O elenco inclui ainda Ana De Armas, Christoph Waltz, Ralph Fiennes, Naomie Harris, Ben Wishaw e Rory Kinnear.

A canção principal será da autoria de Billie Eilish, anunciada antes da  glória nos prémios Grammy e que se torna, aos 18 anos, na artista mais jovem de sempre. O tema foi composto em parceria com o irmão, Finneas.

O realizador do filme é Cary Fukunaga (da primeira temporada de "True Detective"), que co-escreveu o argumento com Scott Z. Burns e Phoebe Waller-Bridge ("Fleabag", "Killing Eve").

VEJA O TRAILER.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.