Artigo

Sara Alhinho atua esta semana em Lisboa

A cantora lançou o seu primeiro álbum em 2013, intitulado “Mosaico”.

Cartaz

A cantora Sara Alhinho atua ao vivo esta quinta-feira,16, em Lisboa, Portugal, uma oportunidade para ouvir as músicas no primeiro álbum da artista lançado em 2013.
Segundo anunciou a artista, este concerto que terá como palco Fábrica Braço de Prata, e está agendado para as 22:30 (horas locais). Informou ainda que vai estar acompanhada da sua guitarra e de um trio de músicos especiais.

Sara Alhinho cresceu no meio da música e de múltiplas influências. A mãe, Teté Alhinho, cantora e compositora, foi sempre uma inspiração e incentivo para o mundo musical.
Aprendeu a música na escola Pentagrama e estreia-se a cantar aos oito anos num CD que gravou com a sua mãe - Menino das Ilhas. Aos 12 anos, pertenceu ao grupo infantil “Meia Culpa”, que juntava os filhos dos músicos do grupo “Simentera”. Viveu a sua juventude no México, onde nunca deixou de cantar e compor, mas sem se dedicar exclusivamente à música.

Quando regressou a Cabo Verde, Sara viveu intensamente o ambiente musical que se vivia na Praia e conviveu com nomes como Pantera, Ildo Lobo, o grupo Simentera entre muitos outros. Em 2007, faz a sua primeira digressão internacional, ao lado da mãe Teté Alhinho e em 2008 gravou também em dueto o disco Gerasson.

Ao mesmo tempo que completava nas Canárias os estudos superiores, Sara Alhinho procurava a sua identidade musical.

Sara Alhinho lançou o seu primeiro álbum em 2013, intitulado “Mosaico”, que é uma mistura de todas as influências de Sara Alhinho: mãe, cantora cabo-verdiana, pai mexicana e uma vida passada entre Cabo Verde, México, Lisboa e Canárias.

Comentários