Artigo

Lala Fortes: "Quero ser o melhor produtor musical da minha geração"

Lala Fortes

Herlânder Fortes, conhecido no mundo artístico por Lala Fortes, nasceu há 23 anos no Mindelo no seio de uma família de músicos. A morna era o que mais se ouvia em casa mas foi com o hip hop que o jovem se identificou e hoje é um dos produtores de referência do hip hop mindelense.

Conheceu os elementos do grupo Rap Soldiers em meados de 2013 e foi por influência de um dos elementos, o rapper Soulj, que começou a explorar o mundo do hip hop. Formou o seu primeiro grupo em 2013 - os Wheezal.

"Éramos cinco elementos. Tenho muito boas recordações desse tempo. Nunca me esqueço das minhas origens", afirma.

O grupo Wheezal não durou muito tempo e em menos de um ano Lala formou outro grupo com novos elementos, o Z Zone. Lala Fortes, Rony Dias, Denis Rodrigues, Ricky Salomão, Kaku Duarte e o DJ Edson Lopez compõem o Z Zone.

Em meados de 2014, o jovem músico decidiu apostar na carreira de produtor. "A minha inspiração e motivação são os meus colegas. Os que já estavam nesta profissão ainda antes do meu interesse surgir como o Expavi, o Floriano Leite, Elizender, RayBeatz,Amaral Fortes,'Golbeatz',Nick Boy Shine, e tantos outros", revela.

Ainda em 2014, montou o seu próprio estúdio, o EZ Records, em Alto Miramar, em Mindelo. "O nome escolhi em homenagem a um colega de profissão e grande amigo que faleceu em Janeiro de 2013, o cantor e beatmaker Elizender Silva, que era mais conhecido por Devil Z, no mundo da música" revela.

MadCity, Z Zone, Yannick Martins,Rap Soldiers, Bóxis, Sweet Krazy, Esposas do Rap, Ricking Lopes & BangStar e Dzenh KingDro são alguns dos artistas que já marcaram presença nos estúdios do EZ Records.

Para o futuro, Lala Fortes quer ser reconhecido pelo ser trabalho. " O meu objetivo principal é ser reconhecido com o melhor produtor musical da minha geração".

Tem em agenda a produção de pelo menos três mixtapes de artistas mindelenses."Quero trabalhar com vários estilos musicais, não tenho preferência por um único género", confessa.

Mas não quer se destacar só na produção, Lala quer também subir aos palcos e promete para setembro o lançamento da sua primeira mixtape a solo.

Comentários