Artigo

Eurovisão: Veja todas as atuações da final

Os 26 países que chegaram à final da Eurovisão já atuaram.

Os finalistas da Eurovisão - os 20 países selecionados em duas semifinais (Primeira semifinal: Portugal, Moldávia, Azerbeijão, Grécia, Suécia, Polónia, Arménia, Austrália, Chipre, Bélgica; Segunda semifinal: Bulgária, Bielorrússia, Croácia, Hungria, Dinamarca, Israel, Roménia, Noruega, Holanda e Áustria), os "Cinco Grandes" (França, Alemanha, Itália, Espanha e Reino Unido) e o país anfitrião, a Ucrânia - já apresentaram as suas canções no palco do Centro Internacional de Exibições, em Kiev.

Salvador Sobral foi o 11º artista a atuar na final, que abriu com o cantor que representa a Polónia.

Veja um excerto de todas as atuações:

IMRI, cantor que representa Israel, com "I Feel Alive", foi o primeiro a atuar na final da Eurovisão.

Polónia apresentou " "Flashlight". Kasia Moś foi a artista escolhida para representar o país na edição de 2017 da Eurovisão.

Tradicional, mas não muito: os Naviband assinalaram a participação da Bielorrússia com "Historyja majho žyccia".

Nathan Trent (Áustria) animou o Centro Internacional de Exibições de Kiev com "Running on Air". O grafismo apresentado pelo cantor recebeu vários elogios nas redes sociais.

Tal como Salvador Sobral, Artsvik, representante da Arménia, também estudou psicologia mas decidiu dedicar-se à música. A cantora e vencedora do "The Voice" apresentou "Fly with me".

As irmãs gémeas da Holanda, as O'G3NE, apresentaram "Lights and Shadows".

"Hey Mamma", considerada uma das canções mais festivas da final da Eurovisão, é sobre uma despedida de solteiro. Os SunStroke Project, da Moldávia, animaram o Centro Internacional de Exibições. Os microfones em forma de buquê de noiva também não passaram despercebidos.

Joci Pápai, pela Hungria, foi o oitavo artista a pisar o palco da Eurovisão e apresentou "Origo", tema cantado na língua materna do cantor.

Francesco Gabbani, cantor italiano, levou"Occidentali's Karma" à final da Eurovisão.  Em palco, o cantor tem ainda uma pessoa vestida de macaco em palco - segundo a imprensa italiana, o cantor inspirou- se no livro "The Naked Ape" ("O Macaco Nu", em tradução livre), de Desmond Morris.

Com "Where I Am", a dinamarquesa Anja,  puxou pela voz e comoção sem grandes limites.

Salvador Sobral foi o 11º artista a atuar na final da Eurovisão. Nas redes sociais, os elogios multiplicaram-se.

Ver artigo completo

Comentários