Artigo

Número de abertura: Justin Timberlake põe Óscares a cantar e dançar

O cantor trouxe uma exuberância pouco habitual aos primeiros minutos da cerimónia.

Ao contrário do habitual, antes do monólogo do anfitrião Jimmy Kimmel, foi Justin Timberlake a abrir a cerimónia dos Óscares com um número musical. Os produtores da cerimónia prometeram fazer algumas mudanças e não começaram com o tradicional monólogo do anfitrião, o que trouxe uma contagiante e pouco habitual exuberância aos primeiros minutos.

Justin Timberlake abriu os Óscares com “Can’t Stop The Feeling”, a canção de "Trolls" nomeada para o Óscar e colocou todo o público no Dolby Theatre em pé a cantar e dançar.

O cantor começou a atuação no exterior do recinto, sendo acompanhado pelas câmaras até ao interior e transformando os primeiros momentos da cerimónia numa amostra de um concerto seu.

Claro, a plateia juntou-se à festa. Todos cantaram e dançaram - alguns mais efusivamente do que outros - e Justin Timberlake ainda aproveitou para levar a festa junto da sua esposa, Jessica Biel.

Comentários