Artigo

Victor Silva diz que atribuição do Prémio de Mérito Teatral 2017 é fruto de sua carolice nesta arte

O prémio foi atribuído pela Associação Mindelact.

créditos: Inforpress

O agente cultural salense Victor Silva, líder do Grupo Teatro Dja d’Sal, diz que a atribuição do Prémio de Mérito Teatral 2017, pela Associação Mindelact, é fruto de sua “carolice” no mundo das artes cénicas.

Visivelmente radiante pela homenagem, o ator que deverá receber a estatueta no dia 27 de Março - Dia Mundial de Teatro – em Mindelo, disse que não vê o dia de pegar nas mãos, a escultura que simboliza o galardão.

Com uma carreira que já leva 20 anos de palco, Victor Silva, um dos destacados da história do teatro na ilha do Sal e Cabo Verde, partilha a distinção com os colegas de palco, patrocinadores, toda a população do Sal e amantes do teatro.

“Sempre sonhei que um dia haveria de chegar a minha vez de receber este Prémio de Mérito Teatral, atribuído pela Associação Mindelact, galardão maior de teatro nacional. Para mim é como receber um Óscar”, sublinhou.

Victor Silva acentua que este reconhecimento vai permitir fortalecer, cada vez mais, o trabalho que o Grupo Teatro Dja d’Sal vem desenvolvendo em prol do teatro, não só a nível do Sal mas de Cabo Verde em geral.

“Esse prémio é nosso e, claro, sinto-me orgulhoso e honrado por ser Victor, na qualidade de ator e agente cultural a recebê-lo. Confere-me mais responsabilidade e forças para trabalhar”, frisou.

Quanto a projetos, lembrou que vem aí a V edição do Festival Nacional de Teatro, denominado “Sal Encena”, promovido pelo Grupo Teatro Dja d´Sal, em parceria com o Ministério da Cultura, a acontecer de 15 a 18 de Junho, que este ano homenageia o Hotel Morabeza.

Anunciou por outro lado, a realização de uma peça sobre a ilha do Sal, trabalhada em filme, apesar de, conforme disse, gostar mais do teatro “vivo”, mas este registo é uma forma de, também, marcar a história das artes cénicas na ilha.

O Prémio de Mérito Teatral, representado por uma estatueta, foi criado em 1999 pela Associação Mindelact, para anualmente homenagear um grupo de teatro, particulares, empresas ou instituições públicas ou privadas que se destaquem pelo apoio e contribuição para o desenvolvimento das artes cénicas cabo-verdianas e tem como objetivo principal servir de incentivo para aqueles que, de uma forma ou de outra, têm contribuído para o melhoramento do teatro em Cabo Verde.

Comentários