Artigo

João Lopes Filho lança obra sobre costumes e tradições que estão a desaparecer

"Poeiras de Dia" é título do livro de ficção.

O investigador e escritor João Lopes Filho dá a conhecer aos jovens aspectos do antigamente (usos, costumes e tradições) que estão a desaparecer, recuperados agora em livro de ficção, intitulado “Poeiras de Diasâ”.

Em declaração à Inforpress, o autor explicou que “Poeiras de Diasâ” são aspectos que estão a desaparecer como se "fosse uma poeira" que o vento leva, dando-se agora ao trabalho de os recuperar e ensina-los aos jovens de uma forma "mais suave e apelativa".

Com o livro, assegurou que pretende demostrar aspectos da realidade do quotidiano dos cabo-verdianos que foram transportados para ficção, dando-lhes uma outra tonalidade, de forma a permitir que sejam apreendidos por todos.

“Claro que muitos desses aspectos são importantes, na medida que são aspectos da dinâmica do desenvolvimento estão a fazer desaparecer os usos, costumes e tradições. De tal maneira mostrar as novas gerações as realidades do quotidiano da antigamente, de maneira mais apreensível, compreensível e apelável”, sublinhou.

No livro, esclareceu que não faz comparação do quotidiano da antiguidade com a da actualidade, mas sim apresenta aspectos da antigamente de uma forma romanceada para que os jovens possam apreende-los.

Disse ainda que “Poeiras de Diasâ” é um livro de ficção, mas apresentada em forma de histórias (pequenas histórias) e divididos em vários capítulos e temas.

De entre os temas, apontou “Hora de bai”, “Férias”, “Revisitando as origens”, “Reencontro com as comunidades” “ A noite de sete”, “As festas de romaria” e “As festas de todos os santos”.

A apresentação do livro, dada à estampa pela Rosa de Porcelana Editora, está aprazada para esta sexta-feira, às 18:00, no Auditório do Caixa - Chã de Areia, e será feita por dois professores universitários, José Esteves Reis e Maria Faria.

João Lopes Filho, natural de São Nicolau, é professor da Universidade de Cabo Verde, e autor de vasta obra que versa diferentes áreas do saber, que são ao todo 27 livros publicados.

Comentários