Artigo

Graffiti: Fundação Amílcar Cabral promove concurso artístico destinado à juventude

O concurso enquadra-se no projeto “Cabo Verde: História, Cultura e Ambiente para um Turismo Sustentável”.

Freddy Fortes, Sonvela Arte na Ribeira Bote

A Fundação Amílcar Cabral promove até 30 de setembro um concurso artístico destinado a jovens visando a realização, em graffiti, de pequenos projetos artísticos de valorização de áreas urbanas degradadas da Cidade da Praia.

Segundo nota enviada à Inforpress, o concurso enquadra-se no projeto “Cabo Verde: História, Cultura e Ambiente para um Turismo Sustentável”, executado pela organização em parceria com a Fundação Lelio e Lisli Basso, com financiamento da União Europeia.

“Tem como objetivo primordial preservar e melhorar o património social, cultural e ambiental como fator de diversificação e desenvolvimento de um turismo sustentável e solidário em Cabo Verde”, acrescenta a fonte.

A promoção de arte urbana pública constitui, no entender dos organizadores, um dos veículos de intervenção eleitos, que, além de contribuir para melhorar a estética da Cidade da Praia e o seu enriquecimento artístico e cultural, concorre para a democratização do acesso à cultura no espaço urbano, promoção da inclusão social e reforço da cidadania.

A Fundação Amílcar Cabral conta com o apoio técnico do MEIA – Instituto Universitário de Artes, Tecnologia e Cultura, sedeada em São Vicente.

Comentários