Artigo

"X-Men: Apocalipse": Responsável pela história admite falhas no filme

O argumentista e produtor Simon Kinberg pensa que qualidade do filme de 2016 foi prejudicada por se afastar da essência da saga sobre os mutantes.

"X-Men: Apocalipse" foi um grande sucesso de bilheteira no início do verão de 2016. De facto, é mesmo o segundo mais rentável da saga "X-Men" se não contarmos com "The Wolverine", "Deadpool" e "Logan", perdendo apenas o primeiro lugar para "X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido" (2014).

O filme mostrava Apocalipse (Oscar Isaac), o primeiro e mais poderoso mutante do universo X-Men da Marvel, acumulando os poderes de muitos outros mutantes, tornando-se imortal e invencível. Ao acordar depois de milhares de anos, ficava desiludido com o mundo em que se encontra e recrutava um grupo para purificar a humanidade e criar uma nova ordem mundial, sobre a qual ele reinaria. Competia a uma equipa de jovens X-Men liderada por Raven (Jennifer Lawrence) com a ajuda do Professor X (James McAvoy) combatê-lo e salvar a humanidade da destruição.

Descrito por muitos críticos como mais um pretexto para exibir efeitos especiais e destruição, o filme também não é muito estimado pelos fãs.

Ver artigo completo

Comentários