Artigo

Mulher-Maravilha "foge" de concorrência de "Star Wars"

A sequela de "Mulher-Maravilha" vai chegar aos cinemas mais cedo do que tinha sido anunciado.

"Mulher-Maravilha 2" vai chegar mais cedo aos cinemas: a data de estreia foi antecipada de 13 de dezembro para 1 de novembro de 2019.

Nos bastidores é dito que isto se deve à confiança do estúdio no reencontro da atriz Gal Gadot com a realizadora Patty Jenkins, mas é difícil ignorar que a estreia de "Star Wars: Episódio IX" está marcada para 20 de dezembro de 2019.

Embora os filmes que estreiam perto do Natal costumem ter as receitas inflacionadas pela maior disponibilidade das pessoas para ir ao cinema, dificilmente "Mulher-Maravilha 2" conseguiria atingir os 412 milhões conquistados pelo primeiro filme nas bilheteiras mantendo-se a 13 de dezembro. Antecipando seis semanas, o caminho está mais livre porque os únicos grandes filmes até agora anunciados, o 25º filme da saga James Bond (8 de novembro) e a sequela de "Frozen" (27), destinam-se a públicos diferentes.

"Mulher-Maravilha" é o filme de estreia de um super-herói mais lucrativo de sempre nos EUA. A sequela vai avançar a história da Primeira Guerra Mundial para os tempos da Guerra Fria na década de 80.

Antes disso, Gal Gadot regressa já esta semana ao lado de outros super-heróis da DC Comics em "Liga da Justiça".

Comentários