Artigo

Morreu Karin Dor, 'Bond girl' de "007 - Só Se Vive Duas Vezes"

A atriz alemã foi Helga Brandt ao lado de Sean Connery no quinto filme da saga James Bond.

Karin Dor, "Bond Girl" em "007 - Só Se Vive Duas Vezes" (1967), morreu na segunda-feira numa casa de repouso em Munique, aos 79 anos.

A informação foi dada pelo seu filho ao jornal Bild.

A atriz alemã era Helga Brandt, a vilã de cabelo ruivo que trabalhava para Blofeld (Donald Pleasence) como a agente número 11 da SPECTRE, mas que não conseguia resistir aos encantos de James Bond (Sean Connery).

Como castigo, por não cumprir a missão de eliminar o 007, acabava numa piscina de piranhas.

Fora da saga do agente secreto, os outros filmes relevantes da carreira foram em "Topázio" (1969), de Alfred Hitchcock, onde era a revolucionária Juanita de Cordoba, "O Misterioso Dr. Fu Manchu" (1965) e "Die unsichtbaren Krallen des Dr. Mabuse" (1962), onde contracenou com Christopher Lee.

No último, o realizador era o seu então marido Harald Reinl, que a dirigiu em mais de uma dúzia de filmes, e tinha ainda como parceiro Lex Barker, famoso por ter sido Tarzan, com quem também trabalhou várias vezes.

A despedida do cinema foi com "O Mundo Fora do Lugar" (2015).

Comentários