Artigo

Mistério desvendado: Spielberg fez um filme em segredo e é um clássico

Há muitos anos que existiam rumores de que Steven Spielberg era o verdadeiro realizador de um filme que entretanto se tornou um clássico e agora alguém que esteve na rodagem confirmou que é mesmo verdade.

Da próximo vez que for ver "Poltergeist, o Fenómeno" (o clássico do sobrenatural de 1982, não o 'remake' de 2015), esta novidade pode ser interessante: o filme é de Spielberg.

E isto aconteceu no mesmo ano de "E.T. - O Extra-Terrestre".

Há muito tempo que existia um debate sobre quem estava a comandar atrás das câmaras: Tobe Hooper, tal como aparece nos créditos, ou o produtor e o argumentista Steven Spielberg. E isto porque quem viu o filme distinguia claramente o estilo do segundo.

Na altura da estreia em 1982, surgiram notícias que o "produtor" Spielberg tinha imposto o produto final, à revelia de Hooper, que já era um realizador com um filme importante no currículo: "Massacre no Texas".

E a propósito dos "desentendimentos" entre os dois, Spielberg escreveu mesmo uma carta a Hooper no The Hollywood Reporter a dizer que a imprensa não percebia "a relação criativa única" dos dois na rodagem.

Ao fim de 35 anos, uma pessoa envolvida no projeto decidiu esclarecer que "relação criativa única" era essa e revelou o que se passou no podcast Shockwaves.

"Foi um filme muito técnico, muito divertido, muito intenso para se trabalhar. Estava a acontecer muito coisa. E com franqueza... Steven Spielbeg realizou esse filme. Não existe qualquer dúvida", confirmou John R. Leonetti, que foi o assistente do seu irmão Matt Leonetti, que era o diretor de fotografia. Ou seja, os dois estavam presentes na rodagem todos os dias.

"Após o trabalho, Spielberg era o tipo mais simpático no planeta. Até íamos à casa dele em Beverly Hills e víamos as imagens do dia. Na rodagem, ele era muito intenso. Hopper era tão simpático e estava feliz só por lá estar. Ele fez contribuições artísticas.", acrescentou.

O segredo tinha uma justificação: "Steven desenvolveu o filme e era para ser o realizador, só que se julgava que ia haver uma greve de realizadores, portanto ele foi 'o produtor' mas realmente ele realizou-o para o caso de ir haver uma greve e o Tobe estava bem com isso. Não era nada contra o Tobe. De vez em quando, ele [Spielberg] até saía da rodagem e deixava o Tobe fazer algumas coisas apenas porque sim. Mas na verdade, Steven realizou-o".

Steven Spielberg nunca assumiu publicamente que era o verdadeiro realizador de "Poltergeist", mas agora John R. Leonetti até apresentou uma prova: "Tobe Hooper – adoro-o. Gosto muito dele. E não teria trazido esta fotografia se não soubesse que vocês [os jornalistas] iam fazer-me essa pergunta, que é o filme todo numa imagem! É a cena em que a árvore vem agarrar o rapaz e temos duas câmaras preparadas.  Em primeiro plano está um (animado) Tobe, à direita atrás dele está Spielberg a apontar. Ao pé dele estava o meu irmão na câmara e eu".

Aqui está a imagem.

Comentários