Artigo

"Gypsy Boy": Filme vai juntar ciganos, boxe... e Benedict Cumberbatch

O ator confirmou que se juntou à adaptação ao cinema dos dois aclamados best-sellers baseados numa história verídica na comunidade cigana da Grã-Bretanha.

Benedict Cumberbatch é o grande triunfo de "Gypsy Boy", a adaptação ao cinema de dois aclamadas autobiografias e best-sellers de 2010 e 2011, "Gypsy Boy" e "Gypsy Boy: On The Run".

No centro da história está Mikey Walsh, que cresceu na comunidade de ciganos da Grã-Bretanha conhecida por Romnichals.

Quando nasceu, o pai Frank colocou-lhe ao pescoço uma corrente com um par de luvas douradas, na esperança que seguisse a tradição: o boxe está bem enraizado tanto na comunidade como forma de lutar pelo nome e a honra, com as mãos nuas, como na famosa família Walsh.

Só que, mesmo na infância, Frank começa a perceber que há algo diferente em Mikey, o que aumenta a sua frustração e violência com o passar do tempo.

Finalmente, nos anos 1990, já na adolescência, quando percebe que é homossexual, Mikey é obrigado a tomar uma decisão dramática: manter-se e continuar a lutar numa comunidade que não consegue aceitar pessoas como ele ou partir e nunca mais regressar.

A personagem do pai será interpretada por Benedict Cumberbatch e o filme procura agora um jovem ator para ser Mikey.

"Foi imediatamente atraído para a coragem de Mikey e a comovente história. E o seu pai Frank é diferente de todas as personagens que já interpretei", explicou em comunicado o ator, que já foi nomeado para os Óscares por "O Jogo da Imitação", onde era o matemático Alan Turing, que acabou discriminado pela sua homossexualidade após a Segunda Guerra Mundial, onde liderou um grupo reconhecido por quebrar o até aí indecifrável código da Enigma, a máquina utilizada pelos alemães na 2ª Guerra Mundial.

"Ele é um homem complexo dividido entre a tradição e o seu amor por um filho em conflito como uma identidade que é completamente oposta a Frank e à sua cultura. É uma tensão que ameaça despedaçar e separar todos na sua família e naquela comunidade", acrescentou.

A rodagem de "Gypsy Boy" começa no verão do próximo ano e o realizador será Morgan Matthews, premiado com dois BAFTA por documentários e cujo primeiro filme de ficção foi o muito aclamado “X+Y” (2014), inédito em Portugal.

Comentários