Artigo

Brigitte Bardot celebra 83 anos com estátua em Saint-Tropez

A lendária estrela de "E Deus Criou a Mulher" é homenageada pela cidade que se confunde com ela.

Por ocasião dos seus 83 anos, que completa esta quinta-feira, Brigitte Bardot terá uma estátua com sua efígie na entrada de Saint-Tropez, refúgio do jet-set no sudoeste da França cuja fama mundial contou com a contribuição da mítica atriz francesa.

A estátua é inspirada numa aquarela do mestre italiano do 'comic' erótico Milo Manara, que representou a estrela quando as suas curvas sensuais no filme "E Deus Criou a Mulher" (1956) faziam o público vibrar.

A obra é "bastante imponente, de 700 kg e 2,5 metros de altura", detalhou Claude Maniscalco, diretor do departamento de turismo da cidade.

"É uma homenagem que a cidade quer prestar a ela. Quando se diz 'Saint-Tropez', as pessoas respondem 'Brigitte Bardot'", afirmou.

A atriz instalou-se nesta terra de pescadores adotada por artistas em 1958, e continua a moral no local, protegida na sua propriedade de La Madrague.

Esta quinta-feira, o seu marido, Bernard d'Ormale, vai representá-la na inauguração da estátua.

Numa pequena mensagem, Brigitte Bardot já agradeceu aos moradores da cidade "pela enorme honra" que lhe dão ao oferecer a ela "em vida esta magnífica estátua que imortaliza a mulher que Deus criou em Saint-Tropez".

Comentários