Artigo

Confirmado: Dwayne Johnson e Jason Statham protagonizam filme a solo de "Velocidade Furiosa"

O adiamento para 2020 do nono filme da saga "Velocidade Furiosa" parece ter a razão que já muitos adivinhavam: um ano antes vai estrear um "spin-off" protagonizado pelas personagens de Dwayne Johnson e Jason Statham.

A notícia recente de que "Velocidade Furiosa 9" foi adiado por um ano, de 19 de abril de 2019 para 10 de abril de 2020, parece já ter uma razão à vista, e é aquela que muitos vaticinavam: em 2019, mais concretamente a 26 de julho, vai então estrear um spin-off da saga motorizada, encabeçado por duas das suas estrelas mais carismáticas, Dwayne Johnson e Jason Statham.

A série "Velocidade Furiosa" começou em 2001, com um filme protagonizado por Vin Diesel e Paul Walker, que só voltariam a juntar-se no quarto título da saga, "Velozes e Furiosos", em 2009. A partir daí, cada novo filme chegava às salas a cada dois anos: 2011, 2013, 2015 e 2017, estando o nono título agendado inicialmente para 2019.

A entrada em cena de Dwayne Johnson no quinto título da série revitalizou a saga, que se tornou a partir daí um fenómeno, e a química que a partir do sétimo filme revelou com Jason Statham não passou despercebida a ninguém. A estreia de um "spin-off" da série protagonizado pelos dois atores foi agora confirmado para 2019, empurrando o nono filme da saga para 2020.

Quem não gostou da notícia foi Tyrese, uma das estrelas da série, que colocou imediatamente no Instagram um comentário ao sucedido, criticando o facto de Dwayne Johnson estar a quebrar a noção de família da saga e a centrá-la toda sobre si e a sua personagem, e a questionar se o novo projeto não se iria tornar um novo "Baywatch", um dos mais recentes filmes protagonizados por Johnson, que foi um dos maiores "flops" de 2017 nos EUA.

Comentários